Escritório Carvalhaes - Corretores de Café Rua do Comércio, 55 - 8ª andar - Santos/SP - Brasil - Cep. 11010-141 - Tel. (13) 2102-5778 -23.93422, -46.328565

Boletim semanal - ano 88 - n° 24

Abaixo está o último boletim publicado.

Se quiser consultar boletins anteriores, clique aqui.

Santos, sexta-feira, 18 de junho de 2021

Os contratos de café na ICE Futures US trabalharam em baixa esta semana. Com a rolagem para setembro dos contratos com vencimento em julho próximo se aproximando do final, as cotações do café oscilaram muito no decorrer dos dias. Os contratos para setembro próximo fecharam hoje em alta de 35 pontos, a US$ 1,5195 por libra peso. No balanço da semana esses contratos recuaram 765 pontos. O destravamento das exportações colombianas e as chuvas sobre os cafezais brasileiros ajudaram especuladores e operadores interessados em queda a derrubarem as cotações.

As notícias a respeito dos fundamentos continuam as mesmas que levaram à escalada dos preços nos últimos meses. Apontam um quadro preocupante para o abastecimento do mercado de café, brasileiro e mundial. As torrefações no mercado interno brasileiro encontram sérias dificuldades para se abastecerem no ritmo normal. A nova safra entra no mercado com velocidade menor que a habitual, em mais um sinal de quebra com a bienalidade de nossa produção de arábica e com os severos problemas climáticos que enfrentamos há mais de um ano. Com os estoques no final, nossos embarques de café também tendem a recuar em volume neste final do ano-safra 2020/2021 e início do 2021/2022. Mesmo com a pandemia da Covid 19, a OIC informou que o consumo mundial de café subiu 1,9% no último ano-safra. Cresceu 3,15 milhões de sacas, totalizando agora 167,58 milhões de sacas. Com o rápido avanço da vacinação no hemisfério norte, o crescimento do consumo de café deve acelerar no segundo semestre deste ano.

A seca no sudeste brasileiro, onde está praticamente todo o parque cafeeiro de arábica no Brasil e parte da produção de conilon, preocupa mais a cada dia. Segundo o Ministério de Minas e Energia, o último período úmido – de novembro de 2020 a abril de 2021 – teve o pior índice de chuvas em 91 anos de registro. Estamos agora no início do período de seca e na próxima segunda-feira, dia 21, começa o inverno.

Nesta semana, em sua primeira página, o jornal O Estado de São Paulo estampou uma foto impressionante das Cataratas do Iguaçu – 0 maior conjunto de quedas d’agua do mundo – que viraram fios d’agua.

Hoje o dólar comercial se valorizou frente ao real. Subiu 0,92% e fechou a semana valendo R$ 5,0680. Mesmo com a alta de hoje, o dólar acumulou queda na semana de 1,20% frente à nossa moeda. O real se beneficiou com a postura mais dura do Copom – Comitê de Política Monetária que elevou a taxa básica de juros na última quarta-feira, sinalizando para novas altas nos próximos meses (fonte: jornal Valor Econômico.)

Em reais por saca, os contratos para setembro fecharam hoje valendo R$ 1018,67. Na sexta-feira passada encerraram o dia a R$ 1081,35.

O mercado físico brasileiro permaneceu calmo, praticamente paralisado, por toda a semana, repetindo o comportamento da semana passada. Continuou o grande interesse comprador, mas a queda no valor das ofertas, acompanhando o recuo do dólar e das cotações na ICE no decorrer da semana, afugentaram os vendedores, que permaneceram fora do mercado, travando os negócios.

Produzir café no Brasil está, pelo menos, 50% mais caro quando se fala na compra de fertilizantes. O câmbio e a demanda aquecida para insumos no mercado de grãos, justificam as valorizações. Dados do Rabobank mostram que nos últimos 12 meses, os fertilizantes tiveram uma alta de 55%, os defensivos registraram valorização de 12% e os produtores ainda enfrentam, neste momento, uma elevação nos preços do diesel. Em relação à média maio/2021 contra a média maio/2020 o diesel está 47% mais caro (fonte: Valor Econômico).

A "Green Coffee Association" divulgou que os estoques americanos de café verde totalizaram 5.815.138 em 31 de maio de 2021. Uma alta de 52.571 sacas em relação às 5.762.567 sacas existentes em 30 de abril de 2021.

Até dia 17, os embarques de junho estavam em 1.083.362 sacas de café arábica, 110.957 sacas de café conillon, mais 79.185 sacas de café solúvel, totalizando 1.273.504 sacas embarcadas, contra 655.194 sacas no mesmo dia de maio. Até o mesmo dia 17 os pedidos de emissão de certificados de origem para embarque em junho totalizavam 1.778.885 sacas, contra 1.872.323 sacas no mesmo dia do mês anterior.

A bolsa de Nova Iorque – ICE, do fechamento do dia 11, sexta-feira, até o fechamento de hoje, dia 18, caiu nos contratos para entrega em setembro próximo 765 pontos ou US$ 10,12 (R$51,28) por saca. Em reais, as cotações para entrega em setembro próximo na ICE fecharam no dia 11 a R$ 1081,35 por saca, e hoje dia 18 a R$ 1018,67. Hoje, sexta-feira, nos contratos para entrega em setembro a bolsa de Nova Iorque fechou com alta de 35 pontos.

Escritório Carvalhaes

 

Cotações de Café

segunda-feira, 21 de junho de 2021

 

US$/saca 60 Kg

Gráfico
  • CD Finos
  • Fino/Extra
  • Boa Qualidade

  • Duro Fraco
  • Riados
  • Rio

  • Consumo Dura
  • Consumo Riada
  • NY

Mercado físico:

21/06/2021 - Calmo - cotações nominais.

Indicador de preços OIC - 17/06/2021 - Colombian Mild Arabicas: 197.93
- Brazilian Naturals: 141.00
(US cents por libra)
Fonte: OIC - Organização Internacional do Café


Mercado de Café safra 2020/2021
Cafés Físico Fech. Mín. Máx.
CD Finos 21/06/21890,00920,00
Fino/Extra 21/06/21860,00890,00
Boa Qualidade 21/06/21830,00860,00
Duro Fraco 21/06/21790,00810,00
Riados 21/06/21720,00740,00
Rio 21/06/21650,00680,00
Consumo Dura 21/06/21700,00720,00
Consumo Riada 21/06/21680,00700,00
por saca 60,5 kg - tipo 6 para melhor (em R$) Fonte: Carvalhaes
Cotações de NY
contrato fech. U$ var. R$
JUL21 21/06/21 152.35 245  1.012,08 
SEP21 21/06/21 154.05 210  1.023,37 
DEC21 21/06/21 156.95 200  1.042,63 
MAR22 21/06/21 159.65 205  1.060,57 
MAY22 21/06/21 161.05 205  1.069,87 
JUL22 21/06/21 162.15 205  1.077,18 
U$ cnt / Lb - R$ / saca 60 kg (contrato C)
Cotações da Bolsa de São Paulo (BMF)
contrato fech. U$ var. R$
JUL21 21/06/21 175.85 45  883,12 
SEP21 21/06/21 187.50 515  941,63 
DEC21 21/06/21 189.50 335  951,67 
MAR22 21/06/21 192.15 440  964,98 
por saca 60,5 kg
Cotações da Bolsa de Londres (LIFFE)
contrato fech. U$ var. R$
JUL21 21/06/21 1,585.00 7.959,87 
SEP21 21/06/21 1,617.00 8.120,57 
NOV21 21/06/21 1,639.00 8.231,06 
JAN22 21/06/21 1,652.00 8.296,34 
por tonelada - café robusta
cotações do câmbio
moeda un valor data
Dólar Com. R$ 5,0220 21/06/21
Euro US$ 1,1907 21/06/21